sexta-feira, 31 de maio de 2013

ÚLTIMO DIA DE MAIO BATE RECORDE DE ASSALTOS EM ASSU

O índice de assaltos no mês de maio foi considerado um dos mais elevados do ano em Assu. Supermercados, mercadinhos, postos de combustíveis e transeuntes estão na lista dos alvos, além dos furtos de motocicletas. Parafraseando o blogueiro carnaubaense Toni Martins, a bandidagem continua solta e barbarizando a cidade dos poetas. Assaltos aos comerciantes, arrombamentos, furtos e até o famoso “conto do vigário” nos clientes de bancos, estão cada vez mais constantes na área urbana. Só nesta sexta- feira, último dia do mês até o momento em que esta matéria está sendo produzida (13:21h) a polícia registrou um total de seis assaltos.
Lista:
O primeiro contabilizado pela PM aconteceu próximo a Travessa Segundo Wanderley (beco da prefeitura). A vítima foi uma pessoa que teve o nome preservado pela polícia. Ainda no centro da cidade aconteceu mais um. Desta feita nas proximidades do Rebouças Supermercados. Por volta das 09h mais um assalto se verificou na terra dos poetas, nas proximidades da Caixa Econômica Federal. Não perca a conta, esse foi o terceiro. 12:00h quem recebeu a indesejada visita foi o TJ Comércio de Alimentos, localizado no Conjunto Frutilândia, de onde foram levados cerca de R$ 3 mil segundo informações de populares. No bairro Dom Elizeu foi registrado o quinto assalto do dia. De acordo com informações da Polícia Militar, dois elementos chegaram a bordo de uma motocicleta a empresa Constantino Gás, de onde levaram um notebook, aparelhos celulares e uma quantia em dinheiro. Após a prática do delito os acusados se evadiram em direção ao Frutilândia. O sexto assalto a ser registrado provavelmente foi o primeiro que abriu a contagem. Dois elementos tomaram uma moto e fugiram com destino ignorado. A população se sente refém do medo e cobram respostas das autoridades. De acordo com o comando do 10º BPM está sendo um trabalho no sentido de tentar identificar e prender os responsáveis pela onda de terror que tem se abatido sobre a cidade, e para isso conta com o apoio da população que pode repassar qualquer informação que leve ao paradeiro dos suspeitos por meio do telefone 190.

Nenhum comentário:

Postar um comentário